Seguidores

Acompanhe-me nas Redes Sociais


Gostaste? Então, (com)partilha nas Redes Sociais

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Anseios


Anseio por um momento especial, por ter-te aqui.

Anseio pelos teus beijos, pelo teu corpo, pelo teu abraço e para te ver sorrir. Quero perder-me nos teus braços, quero renascer das cinzas e reencontrar-me em ti. Sim amor, estou enamorada, quase que enfeitiçada! Encantada mesmo. Os teus gestos são magestosos, assim eu vejo e sinto tudo quanto fazes.

Anseio com saudades, sabes?

Saudades de te ver, de te sentir, de te olhar. Observar todos os teus movimentos, todos os teus gestos e por ti deixar-me encantar, seduzir contemplando-te maravilhada.

És o meu anseio, às vezes, o meu maior receio. O receio de não conseguir fazer-te feliz e acabarmos por partir em direcções opostas, como se nada tivesse acontecido. Como se fossemos duas estranhas.

Estes anseios, estas saudades são uma tortura para mim. Desejo tanto estar junto de ti, acabar com esta distância que me enlouquece a cada dia. Que agonia.

Tudo me lembra de ti… Um pássaro em pleno voo, lembra-me de como és livre e que aprisionada não és feliz. Assim, não te agarro e deixo-te voar. Só não fecho a porta, nem as janelas para quando quiseres voltar.

Uma flor que perfuma um jardim, bela e delicada, sim também me lembra de ti. Porque tu és assim.

Uma paisagem marítima, com as ondas beijando a areia fina de forma atrevida e inesperada. São beijos salgados, que deixam a areia molhada. Os teus beijos também têm esse efeito em mim, disparam meu coração cortando a minha respiração.

Uma brisa morna que me invade o corpo num dia primaveril ou de verão, lembra-me as carícias que me fazes que me enlouquecem de paixão ardente.

E no meio de todos estes anseios, saudades, desejos e devaneios, tenho uma única certeza: És a mulher perfeita para mim tal como eu sou para ti.


Cris Henriques



T'estimo
Ek is lief vir jou
Unë të dua
Ich liebe dich
أحبك
Ես սիրում եմ քեզ
Seni seviyorum
আমি তোমায় ভালোবাসি
Я кахаю цябе
Обичам те
ನಾನು ನಿನ್ನ ಪ್ರೀತಿಸುತ್ತೇನೆ
Mám tě ráda
我爱你
我愛你
난 널 사랑해
mwen renmen ou
Volim te
Jeg elsker dig
mám ťa rada
Rad te imam
Te amo
Mi amas vin
Ma armastan sind
Mahal kita
Rakastan sinua
Je t'aime
eu ámoche
Rwy'n dy garu di
მე შენ მიყვარხარ
σ 'αγαπώ
હું તમને પ્રેમ
אני אוהב אותך
मैं तुमसे प्यार करता हूँ
Ik hou van je
Szeretlek
איך ליבע איר
Aku mencintaimu
Is breá liom tú
I love you
Ég elska þig
Ti amo
私はあなたを愛して
ego amare
Es mīlu tevi
Aš tave myliu
Јас те сакам
Jeg elsker deg
من تو را دوست دارم
Kocham cię
Te iubesc
Я люблю тебя
Волим те
Nakupenda
Jag älskar dig
ผมรักคุณ
நான் உன்னை நேசிக்கிறேன்
నేను నిన్ను ప్రేమిస్తున్నాను
Seni seviyorum
Я люблю тебе
میں تم سے پیار کرتا ہوں
Tôi yêu bạn

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Amor No Feminino


“O amor é como um raio de sol ou de luar iluminando a nossa vida. É como delicadas flores desabrochando, como se de o primeiro dia de primavera se tratasse. Fecho os olhos e apesar de estarmos distantes, sinto a tua fragrância, muitas vezes o teu gosto doce numa gota de chuva, ou o teu toque suave na brisa matinal.

Amor é um sentimento doce que derrete a nossa alma elevando-nos ao paraíso. Quase que toco o céu quando estou contigo, os anjos envolvem-nos num círculo de luz rosa e deitam flores para nós. É quando olhas para mim, me sorris e eliminas os meus receios, as minhas ansiedades e todas as minhas inseguranças.

O amor é a fé que move montanhas, a paz que me tranquiliza sempre que me abraças deixando-me mais segura. É o encontro de dois corações que se amam plenamente, dois seres que anseiam por estar juntos. São trocados olhares cúmplices, beijos prolongados, infindáveis carícias ardentes, corpos que se encontram e se perdem na exaltação do nosso amor, dos nossos sentidos. Assim é o nosso amor, – O amor no feminino. É um amor puro, verdadeiro, onde os sentimentos são leais e valorizados. Existe a compreensão, a harmonia, a confiança, a cumplicidade, mas também a amizade e o companheirismo.”



Cris Henriques

O Medo

Muito já se escreveu acerca do medo, muito já se falou efectivamente deste também.

Mas... o que é o medo?

Um frio gelado, profundo na coluna que nos sobe até à nuca e nos empalidece o rosto, paralisando os nossos movimentos. Esta é certamente uma sensação que todos nós já devemos ter sentido em algum momento da vida e que travou as nossas acções por algum tempo.

O medo é um sentimento muito negativo que existe desde o nascimento do mundo, desde que começou a existir vida em cada planeta, em cada ser vivo, desde o início da humanidade e ele está presente nas mais diversas situações, infelizmente...
Quando vivemos no medo, nem respiramos convenientemente e deixamos de fazer tudo o que nos apaixona. Acabamos por deixar de viver, por não conseguirmos ver as coisas belas da vida. O medo leva-nos a nossa alegria de viver, rouba-nos a nossa Paz interior, o tempo de vida e esse mesmo tempo, é limitado para cada ser. Se não agirmos na altura certa e não enfrentamos os nossos medos, estamos certamente a perder tempo, a perder a oportunidade de crescer interiormente.

Existem pessoas que pensam demasiado e perdem-se em mil pensamentos, paralisados, indecisos permanecendo nos “bastidores” da vida, assistindo ao seu mundo a ruir e não agem. Estas são pessoas sem Fé, sem esperança e são pessoas controladoras, egoístas que possuem um Ego enorme, pois se controlarem suas acções impedem a vida de acontecer.

No entanto, nós não somos Deus. Não temos controlo de nada e aquilo que mais tememos, acaba por acontecer... Tudo cai! Tudo rui! É a lei da atracção que age de acordo com o nosso pensamento. Não importa que sejam pensamentos negativos, ou positivos, importa que existem. Foi o medo que provocou que aquela história de amor terminasse, que aquele emprego fosse perdido porque pura e simplesmente tivemos medo de agir.
Aventure-se! Arrisque! Enfrente seus medos e dê o seu melhor. Vai ver que não se arrependerá e não se esqueça de que o medo mata.

Cris Henriques

Barreiro, 17 de Junho de 2012


Blog: http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com/

Perfil no Facebook: http://www.facebook.com/CrisHenriquesFlores/

Página no Facebook: https://www.facebook.com/pages/O-Que-O-Meu-Cora%C3%A7%C3%A3o-Diz/202444083107265/
Twitter: http://twitter.com/crishenriques75/

Web Artigos: http://www.webartigos.com/autores/crishenriques/
Recanto das Letras: http://www.recantodasletras.com.br/autores/crishenriques/


domingo, 17 de junho de 2012

2h46 da Madrugada

Amor, Insónia, Cartas de Amor, Cris Henriques, http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com, O Que O Meu Coração Diz
Foto de Cris Henriques


São 2h46 da madrugada e eu sem dormir…

A noite está fria, mas não o meu corpo. Esse, está quente.

Não tenho sono. Noite de insónia?

Talvez… Os madrugadores dos galos já cantam, saudando a alvorada que se anuncia. Porque não durmo eu?

Porque espero por ti. Espero-te hoje, amanhã e sempre. Já te esperava ontem, esperei-te toda a minha vida sem saber realmente o significado de tal palavra. Criei-te na minha imaginação, sonhei-te sem te conhecer e tanto o fiz que ganhaste forma, materializaste-te para mim.

Mas essa espera já vem de outrora, não somente de agora. A dor que senti ao ver-te partir naquele navio, que não te trouxe de volta para os meus braços, para mim e assim fiquei triste, esperando por ti.

As ondas batiam violentamente nas rochas davam-me a força necessária para te esperar sem nunca perder a esperança de te ver voltar. O vento sussurra murmurando o teu nome levemente, que ainda hoje o faz como se fosse possível isso acontecer com tanto amor que trago dentro de mim para te oferecer. Amor esse que é todo teu.

Foi para isso que renasci, que renascemos. Foi para te ver chegar, para te reencontrar. Renasci para continuar a amar-te.

Sorrio agora, pois já não preciso esperar mais. A espera acabou. Tu estás aqui, acabas de chegar. Abraças-me forte, beijas-me muito e acabamos por sucumbir aos nossos desejos reprimidos por tanto tempo. Fazemos ardente e desenfreadamente amor. O tempo pára ao nosso redor, é como se ficasse suspenso e só existimos nós neste momento. Amor, paixão, o bater dos nossos corações descompassados entram em sintonia. Bocas que se beijam, pele com pele, corpo com corpo, que se tocam e se roçam, carícia atrás de carícia, respiração ofegante. Odores, sabores, sensações inexplicáveis que terminam num abraço apertado como se o mundo fosse acabar nesse instante.

As saudades são imensas, a primeira vez é bastante intensa, mas a segunda e as seguintes são bem mais ternas e prolongadas.

Horas depois já saciadas, adormecemos por fim abraçadas com os anjos abençoando e protegendo o nosso amor.



Cris Henriques



J'espère que pour vous, mon amour...
Jeg håber for dig, min kærlighed...
Jag hoppas på dig, min kärlek...
Ik hoop voor jou, mijn liefde...
Ελπίζω για σένα, αγάπη μου...

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Entre o Sonho e a Realidade

Que coisa estranha sentir-te aqui comigo, abraçada a mim. Sinto os teus beijos doces, beijando o meu rosto. A suavidade da tua pele e a tua fragrância perfumada. Entre o sonho e a realidade sinto o teu toque ousado, tacteando o meu corpo. Inspiro e expiro, ofegante. Transpiro no meio de tanta excitação. Solto um suspiro, doida para te ter.
Estarás mesmo aqui ou estarei a sonhar? Se for sonho deixem-me dormir, não quero acordar. É tão bom ter-te aqui assim, porém, se tiver que acordar que seja com um beijo teu. Um beijo doce, cheio de amor e saciando as nossas saudades. Um beijo como só tu sabes dar-me. Enches-me de beijos, abraças-me forte e eu retribuo tudo o que me das. Estás mesmo aqui, não é sonho, mas sim realidade.

Cris Henriques


Ego amant te.
Stále ťa milujem.
Ég elska enn þér.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tradutor do Google

Acerca das imagens do blog...

Algumas imagens contidas no blog foram colocadas nas postagens apenas para ilustrar o conteúdo, dando-lhe mais beleza. Essas imagens foram encontradas no navegador Google e estão inseridas noutros sites, ou blogs. Se alguma dessas imagens for sua, peço que me informe pelo Formulário de Contacto, ou pelo meu e-mail para que eu a possa retirar e substituir.

Conversor Tipográfico

From:
To:
Result:
UnitConverter.org - the universal assistant for all of your unit conversion needs.

Siga por Email

Recebe Grátis a Newsletter

Adiciona o teu Em@il para receberes as actualizações:

Enviado por FeedBurner

DigNow