Seguidores

Acompanhe-me nas Redes Sociais


Gostaste? Então, (com)partilha nas Redes Sociais

domingo, 22 de agosto de 2010

Declaração Silenciosa

Olá!

Hoje acordei com um grande sentimento de Paz, Amor, Reflexão e Esperança. Por esse motivo, senti vontade de partilhar estes sentimentos bonitos com vocês. Então, fui ao meu arquivo pessoal buscar um texto que escrevi à um ano atrás. O texto que escrevi fala da minha opinião acerca do conceito de Almas Gémeas no seguimento de uma história que se passou com Platão. Aqui vai…


O Banquete de Platão – A História das Almas Gémeas em Homoafectividade



Em O Banquete, de Platão certa noite houve uma festa na celebração do Amor. Entre convidados ilustres como Sócrates, Fedro, Pausânias, o médico Erixímaco, o poeta Agatão, entre outros presentes havia também o comediógrafo Aristófanes, tal como o próprio anfitrião, Platão.

Nesta festa, cada convidado fez honras e tributos ao Amor. Aristófanes, contou o mito dos andróginos, mais conhecido como Almas Gémeas na Homoafectividade:

─ Eis que os seres humanos, inicialmente eram de três tipos: homem, mulher e andróginos. E eram também duplicados e unidos pelo umbigo. Assim, Zeus, temendo a presunção de tanta auto-suficiência, para enfraquecê-los, divide-os em dois e cada uma das partes passará a vida à procura de sua outra metade original, que pode ser um outro homem, caso o original tenha sido a união de dois homens, uma mulher, em busca de outra ou um homem e uma mulher que se anseiam, caso dos andróginos.

Para Aristófanes, o Amor é justamente essa busca constante e incansável por sua outra metade a fim de se restabelecer o original e primitivo, o “todo”. Não se trata somente de união sexual, mas de “uma coisa” que a alma de um quer da alma do outro. Sobre essa “coisa” a alma não pode dizer, mas “adivinha” o que quer e indica por enigmas.

******

Ora bem, isto desmistifica a questão da União de Almas Gémeas entre pessoas do mesmo sexo. Sim, é verdade. No entanto, com o preconceito existente nas nossas sociedades sempre tentaram enrolar-nos, dizendo-nos que tal não existia, pois se fosse mulher x mulher, não seria uma coisa natural, seria considerado como sendo uma aberração e muitas de nós resolveu permanecer no seu armário. Ninguém gosta de ser visto assim, por isso algumas decidem tentar levar uma dita vida “normal” casando com pessoas do sexo oposto. Infelizmente em pleno século XXI isto ainda existe. O preconceito ainda é muito grande, daí muitas de nós terem vidas duplas e viverem num medo aterrorizador de serem descobertas, por não serem aceites pela família, pelos amigos e no local de trabalho tendendo a serem marginalizadas, correndo o risco de serem despedidas. Isto acaba por dar vazão à hipocrisia…

Voltando às Almas Gémeas entre os mesmos sexos, é verdade que existe, sim. Tenho a certeza que a minha Matriz é uma mulher, além de que já reencontrei 4 delas que segundo a Astróloga Kármica Dulce Regina, estão divididas em 21 femininas e 21 masculinas. Com a Graça de Deus, já me reencontrei com 4 das femininas e apaixonei-me perdidamente por elas. O Amor de Almas Gémeas, tanto tem de sonho como de pesadelo… Não há amor mais sofrido e difícil de esquecer que este, é uma dor lancinante no peito, na alma. Parece que vamos morrer a qualquer momento, sentimos uma angústia que nunca antes foi sentida. Chegamos a desejar nunca ter encontrado a nossa metade, devido a tanto sofrimento quando nos vemos forçadas a esquecer.

Dada a minha experiência não positiva, aprendi que é melhor parar com a busca de Alma Gémea para assentar na vida. Entendo que a minha felicidade e realização amorosa, está relacionada com uma pessoa com quem tive uma relação amorosa feliz, onde havia muita cumplicidade, companheirismo, equilíbrio, harmonia, amizade e amor. Sinto, por exemplo, que também existe Karma para ser resgatado, o Karma de poder que resulta na inconsciência de controlar a outra pessoa, ou de uma das duas ser demasiada possessiva e ciumenta. Tendo consciência de que tenho algumas destas características e reconhecendo que isto é um veneno no sector afectivo, estou a trabalhar neste campo para polir estas arestas a tal ponto, que um dia sei vou melhorar muito e tornar-me mais estável e segura.

Assim sendo, espero que esta entrada de blog seja útil e inspiradora para alguém que tenha estas características e sinta vontade de mudar. Sugiro a leitura de livros de auto-ajuda e de meditação, de autores como Louise L. Hay – «Você Pode Curar A Sua Vida», Brian L. Weiss – «Só O Amor É Real», Osho – «Amor, Liberdade E Solidão», Jorge Bucay e Silvia Salinas – «Amar De Olhos Abertos» e Paulo Coelho – «O Zahir». Estes foram os livros mais importantes que li e que me ajudou a melhorar as minhas relações afectivas. Espero que vos ajude também.

Faça o Download Gratis dos livros referidos no 4Shared:

Louise L. Hay - Você Pode Curar A Sua Vida
Brian L. Weiss - Só O Amor É Real
Jorge Bucay e Silvia Salinas - Amar de Olhos Abertos
Paulo Coelho - O Zahir 

Nota: Acerca do livro do Osho - «Amor, Liberdade e Solidão», não encontrei para baixar. No entanto, encontrei um texto de um excerto do livro aqui: http://www.4shared.com/document/rYsjEyFg/Osho_-_Relacionamento_Amor_e_L.html.
Podem fazer o download com segurança que os ficheiros não têm vírus, eu própria os baixei e verifiquei.
Termino com mais um poema do meu livro O Que O Meu Coração Diz que se intitula Declaração Silenciosa. Agradeço uma vez mais à amiga Susana Alves pela cedência da fotografia a esta bonita paisagem na Suíça.
(Clica na imagem para leres melhor a poesia.)

Keane - Somewere Only We Know

Despeço-me com um "Até breve" e o meu obrigada a todos os visitantes!

Beijos para quem me segue e aprecia o que escrevo,

Cris Henriques

domingo, 15 de agosto de 2010

Palavras

Boa tarde a todas(os)!

Obrigada pelas visitas.
Estamos a meio do Verão e as paixões tornam-se intensas, despertando a nossa líbido... O calor é abrasador e o nosso corpo necessita de sentir o corpo amado, fundir-se, inscrever-se na sua alma e à custa destas necessidades, acabamos por cercar o nosso Amor com o excesso de atenção e cuidados. Acabamos por sofucar sem querer.

Assim, devemos ter cuidado e travar essas acções exageradas, ou arriscamo-nos a que esse amor não prossiga para o Outono terminando no fim do Verão.

Para nos redimirmos desse excesso, o melhor é agirmos naturalmente. Dar espaço ao nosso Amor e deixá-la ser como é. Foi por isso que nos apaixonámos por ela.

Não é verdade?

Estamos a meio do Verão e no final do Signo Leão. As nativas deste signo são criativas, generosas, corajosas, divertidas e namoradeiras. Mas também são independentes, individualistas, excêntricas, egocêntricas, exibicionistas, impulsivas, requintadas, autoritárias, orgulhosas e muito apaixonadas. Possuem um sentido de humor inteligente e gostam de ser elogiadas a todos os níveis. Gostam de conquistar e quando estão em crise, sentem mais necessidade de namorar e aí, tendem a cair na infidelidade em busca de atenção. Precisam sentir-se desejadas, amadas e únicas para a sua cara-metade. Os relacionamentos não devem de cair na rotina nunca e o seu espaço, deve ser respeitado sempre.
Termino com mais um poema do meu livro: O Que O Meu Coração Diz, do Capítulo 1 - Amor e com o título: Palavras.

(Clique na Imagem para poder ler melhor a poesia.)


A foto foi-me cedida e tirada pela Susana Alves, como é habitual, a que eu sempre agradeço do fundo do coração pela sua amizade e paciência de Job. :)

Beijos até breve,

Cris Henriques

Maroon 5 - Back At Your Door

Desde o momento em que as luzes se apagaram

Tudo tinha mudado
Deito acordado num quarto vazio
Na minha cabeça, tudo parece o mesmo

Como o gosto do dia que você partiu
Ainda permanece no meu hálito
E a umidade das lágrimas que deixaram
Aquela mancha onde você tinha chorado

Completamente sozinho com o vestido
Que ainda está jogado na minha cama
Eu sempre penso em me desfazer dele
Mas simplesmente o deixo lá

Não preciso chorar por causa disto
Eu não posso viver sem isto
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Por que você faz isto comigo?
Você penetra direto em mim
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Mais três dias até eu ver seu rosto
Receio que seja muito tempo
Cozinho uma refeição e arrumo a casa
Ligo para seu número, desligo

Se eu te subestimei,
Eu peço desculpas por agir de forma dura
Você é minha razão de viver
E de jeito nenhum eu desistirei

Não preciso chorar por causa disto
Eu não posso viver sem isto
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Por que você faz isto comigo?
Você penetra direto em mim
Toda vez eu acabo voltando à sua porta
Agora toda noite é uma luta amarga
E eu estou comendo sozinho numa 6ª-feira à noite
E eu sei o que seus amigos dizem
"Ele está apenas desperdiçando seu amor e seu tempo"
Eu nunca deixarei você mudar de idéia

Não preciso chorar por causa disto
Eu não posso viver sem isto
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Por que você faz isto comigo?
Você penetra direto em mim
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Não preciso chorar por causa disto
Eu posso morrer sem isso
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Por que você faz isto comigo?
Você penetra direto em mim
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

Toda vez eu acabo voltando à sua porta
Toda vez eu acabo voltando à sua porta

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tradutor do Google

Acerca das imagens do blog...

Algumas imagens contidas no blog foram colocadas nas postagens apenas para ilustrar o conteúdo, dando-lhe mais beleza. Essas imagens foram encontradas no navegador Google e estão inseridas noutros sites, ou blogs. Se alguma dessas imagens for sua, peço que me informe pelo Formulário de Contacto, ou pelo meu e-mail para que eu a possa retirar e substituir.

Conversor Tipográfico

From:
To:
Result:
UnitConverter.org - the universal assistant for all of your unit conversion needs.

Siga por Email

Recebe Grátis a Newsletter

Adiciona o teu Em@il para receberes as actualizações:

Enviado por FeedBurner

DigNow